Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Agosto de 2019

ÁFRICA

EXPLOSÃO DEMOGRÁFICA EM ÁFRICA, UMA BOMBA AO RETARDADOR

ÁFRICA

O PARADIGMA PARTICULAR DA DEMOGRAFIA VERSUS DESENVOLVIMENTO

ANGOLA

EXPLOSÃO DEMOGRÁFICA UMA BOMBA DE EFEITO RETARDADO

EUROPA

O PESADELO DEMOGRÁFICO QUE ASSOMBRA A EUROPA

MOÇAMBIQUE

POR ALGUNS DÓLARES MAIS

MUNDO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS PODEM ENGENDRAR “APARTHEID GLOBAL”

VENEZUELA

O CAPCIOSO RELATÓRIO BACHELET

ÁFRICA

RUMO A UMA ÁFRICA INTEGRADA E PRÓSPERA

Estudos

Angola - Índice de Preços Grossista - Dezembro 2014

| Editoria Estudos | 04/02/2015

-A / +A

Imprimir

-A / +A


(DR)

Angola - Índice de Preços Grossista - Dezembro 2014

1. VARIAÇÃO MENSAL: 0,50% ENTRE NOVEMBRO DE 2014 A DEZEMBRO DE 2014

O Índice de Preços Grossista (IPG) registou uma variação mensal de 0,50 % no mês de Dezembro de 2014 com relação ao mês de Novembro de 2014.

2. VARIAÇÃO HOMÓLOGA

A variação homóloga do mês de Dezembro de 2014 é de 6,05%, registando uma diminuição de 2,11 pontos percentuais em relação ao mês de Dezembro de 2013. Em termos de tendência, a taxa de inflação homóloga continua a experimentar desaceleração, facto, este que teve o seu início a partir do mês de Fevereiro do ano de 2012.

3. VARIAÇÃO DOS PRODUTOS NACIONAIS

Durante o mês de Dezembro de 2014, os preços dos Produtos Nacionais aumentaram em 0,38%, comparados com os preços do mês de Novembro de 2014, sendo a Secção A – Agricultura, Produção Animal, Caça e Silvicultura, a que maior aumento de preços registou com 0,55%. Os produtos que tiveram maior variação de preços neste grupo foram: Cenoura com 3,85%; Batata-doce com 2,48%; Tomate com 1,43%; Limão com 1,31%; Ginguba com 1,02%; Milho com 0,88%; Batata rena com 0,82%, Mandioca com 0,80%; Repolho com 0,26%; Laranja com 0,25%; Abacaxi com 0,24%; Mamão e Galinha Viva com 0,08% cada, entre os principais.

A variação Acumulada dos Produtos Nacionais de Janeiro de 2014 a Dezembro de 2014 foi de 6,48%.

4. VARIAÇÃO DOS PRODUTOS IMPORTADOS

Durante o mês de Dezembro de 2014, os preços dos Produtos Importados tiveram um aumento de 0,54%, influenciado basicamente pela variação de preços verificada na Secção D – Industrias Transformadoras com 0,54%. Os produtos que mais aumentaram de preços foram os seguintes: Chapa de plástico com 4,38%; Boneca com 3,93%; Rolo para fotografia com 3,84%; Parafuso com 3,62%; Fita-cola com 3,15%; Maionese com 3,02%; Água-de-colónia com 2,71%; Soro com 2,68%; Berbequim com 2,50%; Lâmina de barbear com 2,48%; Fósforo com 2,32%; Tubo e Curva com 2,31% cada; Tinta acrílica com 2,28%; Sabonete e Fruta em Calda com 2,23% cada; Varão com 2,22% e Sabão com 2,15% entre os principais.

A variação Acumulada de Janeiro de 2014 a Dezembro de 2014 foi de 5,94%.

5. CONTRIBUIÇÃO DAS SECÇÕES NO IPG DE DEZEMBRO 2014

5.1. PRODUTOS NACIONAIS E IMPORTADOS

A inflação global do mês de Dezembro de 2014 foi de 0,50%, sendo a contribuição dos Produtos Importados a que maior participação teve com 0,42 pontos percentuais ou seja cerca de 84%, enquanto a contribuição dos Produtos Nacionais foi de 0,08 pontos percentuais o que corresponde a 16% do valor da inflação global.

5.2. PRODUTOS IMPORTADOS

A inflação dos Produtos Importados em Dezembro de 2014 foi de 0,54%. A secção D- Indústria Transformadora com 0,54 pontos percentuais, foi a que mais contribuiu neste aumento. Os produtos Importados que mais contribuíram foram os seguintes: Farinha de trigo, Fuba de milho e Cerveja com 0,04 pontos percentuais cada; Varão com 0,03 pontos percentuais; Sapato de couro com 0,02 pontos percentuais entre os principais.

5.3. PRODUTOS NACIONAIS

A inflação dos Produtos Nacionais em Dezembro de 2014 foi de 0,38%. A secção A- Agricultura, Produção Animal, Caça e Silvicultura com 0,55 pontos percentuais, foi a que mais contribuiu para a variação de preços dos produtos nacionais. Os Produtos Nacionais que mais contribuíram foram os seguintes: Batata-doce com 0,10 pontos percentuais; Mandioca com 0,05 pontos percentuais; Batata rena com 0,03 pontos percentuais; Milho e Tomate com 0,02 pontos percentuais cada, entre os principais.

INE Angola

Nota de Imprensa do IPG N.º 12 

Janeiro de 2015

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade