Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Agosto de 2019

ÁFRICA

EXPLOSÃO DEMOGRÁFICA EM ÁFRICA, UMA BOMBA AO RETARDADOR

ÁFRICA

O PARADIGMA PARTICULAR DA DEMOGRAFIA VERSUS DESENVOLVIMENTO

ANGOLA

EXPLOSÃO DEMOGRÁFICA UMA BOMBA DE EFEITO RETARDADO

EUROPA

O PESADELO DEMOGRÁFICO QUE ASSOMBRA A EUROPA

MOÇAMBIQUE

POR ALGUNS DÓLARES MAIS

MUNDO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS PODEM ENGENDRAR “APARTHEID GLOBAL”

VENEZUELA

O CAPCIOSO RELATÓRIO BACHELET

ÁFRICA

RUMO A UMA ÁFRICA INTEGRADA E PRÓSPERA

Sociedade

Olimpíadas da matemática juntam alunos da CPLP em Luanda

| Editoria Sociedade | 17/07/2014

-A / +A

Imprimir

-A / +A

Vinte e quatro alunos da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) participam na IV Olimpíada de Matemática, marcada pelas ausências da Guiné-Bissau e Timor-Leste.

O anúncio do vencedor está previsto para a parte da tarde de sexta-feira
DR

Em declarações à comunicação social, a coordenadora do certame, a angolana Glória da Gama, disse que a Guiné-Bissau e Timor Leste não justificaram as suas ausências, estando a participar, com quatro alunos cada, Portugal, Brasil, Angola, Moçambique, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe.

Segundo Glória da Gama, as provas tiveram início ontem, com três problemas de matemática para serem resolvidos das 9:00 até às 13:30, seguindo-se o mesmo programa até ao encerramento previsto para sexta-feira.

O anúncio do vencedor está previsto para a parte da tarde de sexta-feira, sendo grande a expectativa do país anfitrião, disse a coordenadora do evento.

Angola está representada com candidatos das províncias de Luanda, Malange e Huambo.

A competição, organizada pelo Governo angolano, visa contribuir para a melhoria da matemática, descobrir novos talentos, criar oportunidade para troca de experiência e melhorar a qualidade do ensino e aprendizagem fundamentalmente para o desenvolvimento científico.

Na sessão de aberturam, o ministro da Educação de Angola, Mpinda Simão, considerou a matemática uma ferramenta imprescindível para o desenvolvimento sustentável.

Mpinda Simão salientou que qualquer olimpíada “expõe talento, inictiva e a criatividade dos estudantes para atingirem níveis cada vez mais altos, ensinando-os a auto superação”.

Os alunos são acompanhados de um tutor e de um chefe de equipa, que integra o grupo de júris.

A IV Olimpíada de Matemática da CPLP decorre sob o lema “Com o Conhecimento da Matemática Compreenderemos Melhor o Mundo Globalizado”.

Moçambique acolheu em 2013 a III Olimpíada de Matemática da CPLP, tendo-se sagrado vencedor o Brasil, seguido de Portugal.

Redação com agência

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade