Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Agosto de 2019

ÁFRICA

EXPLOSÃO DEMOGRÁFICA EM ÁFRICA, UMA BOMBA AO RETARDADOR

ÁFRICA

O PARADIGMA PARTICULAR DA DEMOGRAFIA VERSUS DESENVOLVIMENTO

ANGOLA

EXPLOSÃO DEMOGRÁFICA UMA BOMBA DE EFEITO RETARDADO

EUROPA

O PESADELO DEMOGRÁFICO QUE ASSOMBRA A EUROPA

MOÇAMBIQUE

POR ALGUNS DÓLARES MAIS

MUNDO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS PODEM ENGENDRAR “APARTHEID GLOBAL”

VENEZUELA

O CAPCIOSO RELATÓRIO BACHELET

ÁFRICA

RUMO A UMA ÁFRICA INTEGRADA E PRÓSPERA

Ambiente

Inundações no Níger causam cerca de 14 mortos e 46 mil desalojados

| Editoria Ambiente | 12/08/2016

-A / +A

Imprimir

-A / +A

Pelo menos 14 pessoas morreram e mais de 46 mil ficaram desalojadas desde junho no Níger, em inundações causadas por chuvas torrenciais, sobretudo nas zonas situadas em pleno deserto.

As autoridades de Niamey afirmaram ter enviado "assistência alimentar de 326 toneladas" para as populações das zonas afetadas, estando "a ser preparada assistência não-alimentar", com o apoio de parceiros.

A maioria das vítimas e os danos materiais mais graves foram registados nas regiões de Tahoua (oeste) e Agadez (norte), as duas zonas mais desérticas deste país da região do Sahel.

No início de junho, a ONU deu o primeiro alarme sobre os riscos de novas inundações este ano, que podiam afetar mais de 100 mil pessoas no país, regularmente afetado por crises alimentares devido à seca. Em 2015, cerca de 103 mil pessoas foram afetadas pelas inundações no Níger, que causaram dezenas de mortos.

Redação com agência

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade