Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Agosto de 2019

ÁFRICA

EXPLOSÃO DEMOGRÁFICA EM ÁFRICA, UMA BOMBA AO RETARDADOR

ÁFRICA

O PARADIGMA PARTICULAR DA DEMOGRAFIA VERSUS DESENVOLVIMENTO

ANGOLA

EXPLOSÃO DEMOGRÁFICA UMA BOMBA DE EFEITO RETARDADO

EUROPA

O PESADELO DEMOGRÁFICO QUE ASSOMBRA A EUROPA

MOÇAMBIQUE

POR ALGUNS DÓLARES MAIS

MUNDO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS PODEM ENGENDRAR “APARTHEID GLOBAL”

VENEZUELA

O CAPCIOSO RELATÓRIO BACHELET

ÁFRICA

RUMO A UMA ÁFRICA INTEGRADA E PRÓSPERA

Economia

Carros elétricos chegam a Brazzaville

| Editoria Economia | 24/07/2015

-A / +A

Imprimir

-A / +A

Sessenta «Bluecars», uma marca de veículos elétricos da fabricante Bolloré, já começaram a circular em Brazaville, capital do Congo.

Depois da Guiné-Conacri, do Togo, do Benim e do Níger, o Congo começa também, diz o portal Jeune Afrique, a «circular a eletricidade»
(DR)

Depois da Guiné-Conacri, do Togo, do Benim e do Níger, o Congo começa também, diz o portal Jeune Afrique, a «circular a eletricidade». Pierre Bellerose, o dretor-geral da Bolloré Africa Logistics no país, recebeu primeiramente oito autocarros elétricos, que chegaram a Pointe-Noire a 27 de maio. Outros 50 veículos entraram no país uma semana depois – e, por fim, vieram mais sete autocarros.

Vincent Bolloré, o dono da empresa, prometeu equipar Brazaville com estes veículos até aos Jogos Panafricanos, que terão lugar na capital congolesa de 4 a 19 de setembro. A Bolloré quer ainda instalar três a quatro «Bluezones» (espaços multifuncionais que incluem locais para carregamento dos carros, através de energia solar) em Mfilou, onde o grupo tem um porto seco, e outros junto ao caminho-de-ferro Congo-Océan. Depois, partirá para a construção de uma central fotovoltaica de 2 MW de capacidade para alimentar a região de Impfondo, no norte do país.

Redação

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade